Brasil de Flato, o blog

quarta-feira, junho 28, 2006

Seis campeões entre os oito: natural ou artificial?

Parece que em todas as Copas existem alguns resultados decididos fora de campo. Porque algumas cagadas de arbitragens são tão grosseiras que é difícil imaginá-las como meros erros humanos. É meio óbvio que na Copa de 2002 queriam a todo custo colocar a Coréia do Sul o mais longe possível, e conseguiram, roubando a Itália e a Espanha. Só não deu contra a Alemanha.
Parece que em 2006, a intenção era ter jogos decisivos entre seleções tradicionais. A Austrália foi descaradamente garfada, com aquele penalty extremamente mal cavado. O Branco contra a Holanda em 1994 cavou muito mais bonito, até que tinha dado pra enganar sem replay. Mas já o italiano foi grotesco. Tudo bem que, conforme foi dito, a Itália foi assaltada na Copa passada, mas a Austrália nada tinha a ver com isso (apenas o técnico holandês que parece o Ferreirão, bem feito pra ele). Quanto ao jogo Brasil e Gana, a arbitragem não interfiriu no vencedor, afinal se não fosse validado o gol impedido do Adriano, seriam dois a zero. Mas ficou óbvio que se fosse necessário, teríamos a ajuda. Isto porque o árbitro intimidou a defesa de Gana com cartões desnecessários, atrapalhando o jogo deles. Para manipular esse tipo de jogo, nem precisa errar claramente no apito. Basta adotar para ambos os lados um critério extremamente rigoroso de cartões que a equipe mais pesada será prejudicada.
Já a Alemanha, não precisou de nenhuma ajuda, uma vez que a natureza já dá conta de parar a Suécia. A Argentina foi a excessão, já que teve um gol legítimo anulado nos acréscimos. E a França fez o segundo gol a partir de uma falta que não houve (q que gerou um cartão para o Puyol).
Agora temos os seis campeões ainda remanescentes, temos os seis lanches do McDonald´s. Só falta o Uruguai, que nem entre os 32 conseguiu ficar. Mais artificial que os alguns resultados de jogos, só os ingredientes dos lanches. Comi o McInglaterra e o McArgentina. Nada melhor do que o Mc pode oferecer.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home